Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Kimberly Derting

Desejos dos Mortos (The Body Finder #2) - Kimberly Derting

Imagem
Após ler Ecos da Morte, terminei a leitura sem saber o que esperar do segundo livro — Desejos dos Mortos — mas mesmo assim fiquei ansiosa por essa continuação. Pelo livro anterior ter me surpreendido, esperei que acontecesse o mesmo com esse, e com isso fiquei com expectativas altíssimas, que infelizmente não foram correspondidas. Supus que falhas da autora e pontos negativos de Ecos da Morte fossem corrigidos e assim originasse um livro melhor que o anterior, porém, não aconteceu, deixando Desejos dos Mortos no mesmo nível. No geral, foi uma leitura agradável e que cumpriu o que prometeu: entreter.

No segundo volume da série de estreia da autora Kimberly Derting, acompanhamos a vida de Violet e Jay, que agora são um casal, e que após grandes momentos de tensão na vida de ambos causados por um serial killer responsável por aterrorizar a pequena cidade onde moram, tudo parece estar resolvido entre os dois, até Violet se ver mais uma vez diante de mais uma perseguição. Como se não basta…

Ecos da Morte (The Body Finder #1) - Kimberly Derting

Imagem
Desde que vi a capa de Ecos da Morte decidi que teria que lê-lo. Mesmo receosa por causa das várias criticas negativas, decidi me arriscar e para minha surpresa deu certo. Na verdade, nunca pensei que gostaria tanto de um livro como esse. A autora soube misturar romance, sobrenatural e policial em um livro juvenil que prende o leitor do começo ao fim. Comecei a leitura sem esperar muito da história em si, e acredito que esse foi um dos fatores que me fizeram terminar o livro e ver que superou minhas expectativas.

Em seu livro de estreia, a autora Kimberly Derting nos conta a história de Violet Ambrose, uma garota de dezesseis anos apaixonada pelo melhor amigo de infância, Jay Heaton, e que é quase normal a não ser pelo seu incrível dom. Violet é capaz de sentir ecos, que podem ser ruídos, cores ou cheiros, porém, apenas de vítimas de assassinatos. Para a jovem seu dom nunca foi um grande problema, mesmo sabendo que através dele é era capaz de sentir e tem necessidade de encontrar o qu…